Carregando...

O que você precisa saber sobre o satanismo - Por Nádia Duarte



Enquanto muitos ainda hoje negam a existência do Diabo, outros chegam a prestar cultos a ele, neste post falaremos sobre este culto, lembrando sempre das palavras de São João Crisóstomo:


"É claro que não tenho prazer em falar-vos do demônio, mas o ensinamento de quem ele é será muito útil para vós".


Chama-se satanismo o culto à Satanás, onde seus adeptos professam abertamente sua crença e afeição à ele. O satanismo teve como inspirador Aleister Crowley. Nascido em1875 na cidade de Leanington, na Inglaterra, ao longo de sua história, Aleister se envolveu com o esoterismo, participando de várias Ordens: Ordem Hermética da Golden Dawn (onde quis ser dirigente, o que não conseguiu), Ordem do Templo do Oriente (tomando o nome satânico Baphomet), até que fundou então sua própria seita chamada de Ordem da Estrela de prata (Silverstar). Em 1920, fundou em Cefalú (Sicília, Itália) um convento de satanás, chamado Abadia de Thelem, onde drogas e sexo eram livres. Com toda essa conduta pervertida e perversa recebeu o título de “o homem mais pervertido do mundo” do qual se orgulhava. No final, Crowley foi para os Estados Unidos, onde morreu a 1º de dezembro de 1947, abandonado pelos seus e destruído pela droga.


Surge então Anton Sandor La Vey, um dos seus seguidores mais notáveis, fundador da Igreja de Satanás, que tem 8 Ritos, começando pela Missa Negra, que é nada mais que uma paródia da Missa Católica, onde um homem se reveste de paramentos, como os de sacerdote, usando como altar o corpo de uma mulher raptada ou de uma prostituta.


Publicou também a Bíblia Satânica, onde contém inclusive as bem-aventuranças: “Bem aventurados os braços de ferro, porque os fracos fugiram deles... Desgraça àqueles que buscam à Deus, pois serão eliminados”. “O culto ao diabo não é se não a religião da carne e da matéria: o altar despojado e a mulher desnuda são símbolo da carne”, declarou La Vey.


Quem entra para uma seita satânica passa pelos ritos de iniciação, onde é necessário recusar a obediência a Deus e dizer sim a satanás, abjurar a fé na Eucaristia, repudiar a virgem Maria e até roubar hóstias consagradas para os ritos sacrílegos.


O satanismo hoje está difundido no mundo inteiro, na internet centenas de sites satanistas fazem propaganda do “encardido”, no cotidiano pessoas vestem camisas de bandas que são consagradas a ele, trazendo símbolos de culto à satanás; como a cruz de cabeça pra baixo e até o número 666 que no Apocalipse é descrito como o número da besta... Enfim este movimento tem sido professado de muitas formas inclusive subliminares.


Costumo pensar que “assim” como as crianças na praia constroem castelos na areia, brincam, brincam e depois os destroem, assim também é satanás. Enquanto Jesus nos cumula de milagres e da maior graça; a vida eterna; satanás cobra essa consagração feita a ele, do jeito e como ele quer. A prova disso é como os adeptos do satanismo tem mortes trágicas. Por exemplo Kurt Cobain e Janis Joplin, “grandes gênios ‘autosdestrutivos’ do rock”, que tiveram fama, mas morreram na solidão e de formas absurdas vítimas dessa ousada consagração ao diabo.


Na carta aos Coríntios, São Paulo nos ensina que não podemos beber do cálice do Senhor e do cálice dos demônios. Dotados do livre arbítrio podemos escolher beber do cálice do Senhor; fonte da alegria verdadeira, da cura, da libertação; ou beber do cálice daquele que o próprio Jesus chamou de “homicida desde o princípio” (Jo 8, 44).


Por toda essa blasfêmia que o Senhor Jesus sofre ainda hoje, o que devemos fazer hoje é amar e adorar a Jesus, por quem não o faz. “Que a luz de vocês brilhe diante dos homens, para que eles vejam as boas obras que vocês fazem, e louvem o Pai de vocês que está no céu” (Mt 5, 16).


A reação de um autêntico cristão frente ao satanismo não pode ser de julgamento, e sim de testemunho, devemos iluminar o mundo inteiro com essa luz que tem que estar presente em nós.


Nádia Duarte Prata Membro da CCDE

Baseado no livro Falsas seitas, doutrinas e religiões, do Prof. Felipe de Aquino

155 visualizações
Comunidade Católica Deus Existe

Comunidade Deus Existe © 2009 - 2020 Todos os direitos reservados