Carregando...

Furacão no México: Francisco solidário com as vítimas



Cidade do Vaticano (RV) – Depois da passagem da tempestade tropical Earl, que deixou ao menos 45 mortos e centenas de evacuados, o México aguarda com preocupação o furacão Javier. As regiões de Cabo San Lucas e a Baixa Califórnia estão em estado de alerta.

O pesar do Papa

Em telegrama enviado à Conferência Episcopal mexicana, o Cardeal Secretário de Estado, Pietro Parolin, afirma que “diante dos prejuízos causados pelo furacão que provocou numerosas vítimas e ingentes destruições materiais, o Santo Padre expressa seu carinho ao querido povo mexicano, oferecendo os sufrágios àqueles que perderam a vida e manifestando sua proximidade às famílias e sobreviventes. Ao mesmo tempo, Sua Santidade pede ao Senhor que ampare as autoridades e o povo do México e desperte em todos a solidariedade”.

Socorristas continuam a trabalhar

Com pás e cães farejadores, equipes de soldados e socorristas ainda procuram vítimas de deslizamentos de terra e desabamentos, especialmente na área mais afetada, a serra norte do estado de Puebla. Cerca de 500 famílias foram evacuadas e levadas para abrigos, onde fizeram exames médicos para evitar surtos epidemiológicos, segundo autoridades locais. Cerca de 600 policiais, soldados, bombeiros e socorristas rastreiam a zona, concentrando seus esforços em Huauchinango.

Outros 13 mortos em Veracruz

O fenômeno meteorológico também atingiu as montanhas de Coscomatepec, Tequila e Huayacocotla, no estado vizinho de Veracruz, onde mais de 11 mil pessoas foram afetadas e 2.262 casas danificadas. As últimas vítimas morreram quando suas casas foram soterradas pelos deslizamentos de terra, ou afogados ao serem arrastados pelos rios cheios. (CM)

2 visualizações
Comunidade Católica Deus Existe

Comunidade Deus Existe © 2009 - 2020 Todos os direitos reservados