Carregando...

Por que batizar as crianças - Por Daiane Matos



O batismo de crianças na Igreja Católica existe desde os tempos dos apóstolos, mas infelizmente os irmãos protestantes insistem em dizer que esse batismo é contrário a Bíblia e que para ser batizado, a pessoa precisa se arrepender dos pecados e a criança não tem essas condições.


Vejamos então através de passagens bíblicas que o batismo de criança está na Bíblia. Em At. 16,14-15 conta-se a conversão de Lidia, uma vendedora de púrpura que, atenta ao que Paulo dizia, abriu o coração e depois “recebeu o batismo com toda sua família.” Agora imaginem, será que naquela família não existiam crianças também? Mais adiante em At 16,32-33 conta a conversão de outra família, a do carcereiro que após lavar as chagas dos apóstolos “imediatamente foi batizado, ele e toda sua família.” E nesta família do carcereiro, também não existiam crianças? Criança também não faz parte da família? Ainda mais em uma época onde não existia controle de natalidade. Quando as passagens se referem a “casa”, “família”, também se refere a crianças, mesmo que não deixe claro, mas é algo obvio. Assim como essas passagens existem outras como em I Co. 1,16, onde Paulo diz ter batizado Estéfanas e toda sua família.


Naquela época sabemos que os adultos eram batizados em maioria, o fato disso porque ninguém conhecia a Jesus Cristo, então os apóstolos ao anunciaram a Cristo em seguida batizavam toda a família. Existe também o questionamento da quantidade de água para ser batizado, e muitos pregam que a pessoa deve mergulhar em piscinas ou onde tenha bastante água, mas pense, será que quando os apóstolos pregavam no deserto e batizavam famílias, eles percorriam quilômetros para encontrar algum rio para mergulhar a família ou usavam uma pequena quantidade de água, qualquer que tinham consigo? Vemos o Batismo não é medido pela quantidade de água.


Encontramos também testemunhos dos padres da Igreja sobre o batismo como esse de S. Irineu (140-205): “Jesus veio salvar todos os que através dele nasceram de novo em Deus: os recém-nascidos, os meninos, os jovens e os velhos.” E este de S. Cipriano (258): “Do Batismo e da graça não devemos afastar as crianças.”


Por isso meus irmãos, o Batismo de crianças da Igreja Católica é o verdadeiro e não contradiz com a Bíblia. Deve-se sim batizar as crianças, para que elas insiram no Corpo de Cristo que é a Igreja, para que iniciem a fé, livres da macha do pecado original que Eva e Adão nos deixaram e o qual já nascemos. O Batismo é esse que vem para lavar-nos. Não deixe de batizar o seu filho quando criança, pois ninguém deixa de colocar o filho na escola quando pequeno, assim o vale para o Batismo e iniciação cristã.



Daiane C. Paula

Membro da CCDE


6 visualizações
Comunidade Católica Deus Existe

Comunidade Deus Existe © 2009 - 2020 Todos os direitos reservados